21 de nov de 2017

Guia de Campo: Como se alimentar no IF!

Karem Julia Dias de Paula                                    Turma: 1° Química A


Tema: A odisseia da marmita no IFSP “    

A rotina de almoço de um aluno do IF é complicada, digo isso porque eu sei bem como é. Sobrevivo a ela todos os dias, bom pelo menos eu tento.
Eu estudo em um Instituto Federal, o tão famigerado IF. É uma escola legal onde se tem muitos amigos de diversas salas, ATÉ O ALMOÇO.
Todo mundo já  ouviu a frase  “CADA UM POR SI”? É exatamente o que acontece no horário de almoço na escola. Mas por que isso acontece? Bom sofremos de um problema chamado “muitos alunos e poucos microondas”, o que acaba desencadeando uma espera de 20 à 30 minutos para se usar o microondas por 3 minutos.
Logo, como não se quer ser um dos últimos faz-se de tudo para chegar em primeiro na fila. Até mesmo sair 20 minutos antes do fim da aula, o que nos causou problemas com o sócio-pedagógico da escola, pois perdíamos muito tempo de aula. Mas como sempre achamos outra solução.
A solução era bem simples, como nós (eu  e meus amigos) tínhamos bolsas térmicas, pensamos: “se a comida for colocada quente dentro da bolsa, quente ela permanecerá”... assim esquentamos nossas marmitas no intervalo da manhã e ficamos com elas na sala até o almoço, assim não pegamos fila após a aula.
Assim fizemos, no início era um grupo de de 5 pessoas, tinha 4 microondas, mas era melhor perder o intervalo do que o almoço.

Com o tempo, o número de pessoas foi crescendo e os microondas diminuindo, um dos microondas passou a não funcionar, tornando nossa luta mais árdua. Às vezes, usamos o microondas dos professores para tentar evitar tão sofrida, dolorosa e cansativa batalha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário